Após período de recuperação, vendas voltam a cair no Paraná

Fomento Paraná lança nova campanha de renegociação para os empreendedores

Preocupada com a retomada da atividade econômica no Estado, a Fomento Paraná está lançando uma campanha para sensibilizar e estimular os clientes a procurar...

Simepar instalará 50 estações automáticas inteligentes para monitorar a qualidade das águas

O Sistema de Tecnologia e Monitoramento Ambiental do Paraná (Simepar) começou a utilizar com mais regularidade a Internet das Coisas (IoT – Internet of...

Paraná soma 1,9 milhão de doses aplicadas e 1,43 milhão de pessoas vacinadas contra a Covid-19

O Paraná ultrapassou nesta segunda-feira (19) a marca de 1,9 milhão de doses de vacina contra a Covid-19 aplicadas, chegando a 1.910.821 doses. Até...

Após decisão do STF, Lula busca adversários de Bolsonaro

Com a confirmação das anulações de suas condenações pelo plenário do Supremo Tribunal Federal (STF), o ex-presidente Luiz Inácio Lula O post Após decisão do...

Engorda da praia em Matinhos tem audiência pública no dia 28

Os detalhes do projeto de recuperação da orla de Matinhos serão apresentados em audiência pública no próximo dia 28, a O post Engorda da praia...

Faturamento do varejo reduziu 4,55% em novembro segundo a Fecomércio PR

Após um período de recuperação, o faturamento do varejo paranaense voltou a cair em novembro. Segundo a Pesquisa Conjuntural da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Paraná (Fecomércio PR), as vendas do comércio reduziram 4,55% em novembro na comparação com outubro, voltando a apresentar piora depois de seis meses de alta.

Essa redução na variação mensal se deve ao fato de que outubro superou as expectativas, com crescimento de 9,81% ante setembro, por conta, principalmente, do Dia das Crianças. Já em novembro, a Black Friday não teve o desempenho esperado e o mês teve menos dias úteis para o funcionamento das lojas. Além disso, houve a redução do auxílio emergencial e a alta no preço dos alimentos por causa do aumento da inflação. De acordo com o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), a inflação de produtos alimentícios para consumo doméstico subiu 3,3% e foi a maior para um mês de novembro desde 2002 (+6,7%).

Por outro lado, alguns setores se destacaram em novembro na comparação com outubro: óticas, cine-foto-som (20,63%), lojas de departamento (13,82%) e vestuários e tecidos (5,24%), setores que vinham demorando a reagir às mudanças de hábitos dos consumidores, que estão focando suas compras em produtos de primeira necessidade, tais como alimentos e medicamentos.

Na comparação com novembro de 2019, o varejo teve queda de 2,01%, especialmente em setores como livrarias e papelarias (-36,37%), vestuário e tecidos (-25,05%), calçados (-19,80%) e lojas de departamentos (-10,94%).

No acumulado do ano, o varejo soma redução de 5,32% nos meses de janeiro a novembro, sendo que os ramos mais afetados pela pandemia tem sido vestuário e tecidos, com prejuízo acumulado de 36,09%, e calçados, com baixa de 34,57% no período.

Análise regional

Na variação mensal, a única região a apresentar crescimento foi Maringá, com alta de 7,02%, fomentada pelas lojas de materiais óticos, cine-foto-som (31,87%), materiais de construção (18,69%), vestuário e tecidos (16,39%) e lojas de departamentos (15,74%).

As demais regiões tiveram queda no varejo: Curitiba e Região Metropolitana (-5,70%), Londrina (-5,98%), Oeste (-4,39%), Ponta Grossa (-3,72%) e Sudoeste (-2,38%).

No entanto, no acumulado do ano, o comércio de Maringá apresenta as maiores perdas, com retração de 15,43%. O panorama nas outras regiões também é negativo: Curitiba e RM, com baixa de 3,98%; Londrina com redução de 4,46%; Oeste teve queda de 5,76%; Ponta Grossa, de -1,58%, e no Sudoeste as vendas caíram 5,30% de janeiro a novembro.

Texto: Karla Santin

FONTE: https://www.fecomerciopr.com.br/sala-de-imprensa/noticia/pesquisa_conjuntural_nov2020/

Fomento Paraná lança nova campanha de renegociação para os empreendedores

Preocupada com a retomada da atividade econômica no Estado, a Fomento Paraná está lançando uma campanha para sensibilizar e estimular os clientes a procurar...

Simepar instalará 50 estações automáticas inteligentes para monitorar a qualidade das águas

O Sistema de Tecnologia e Monitoramento Ambiental do Paraná (Simepar) começou a utilizar com mais regularidade a Internet das Coisas (IoT – Internet of...

Paraná soma 1,9 milhão de doses aplicadas e 1,43 milhão de pessoas vacinadas contra a Covid-19

O Paraná ultrapassou nesta segunda-feira (19) a marca de 1,9 milhão de doses de vacina contra a Covid-19 aplicadas, chegando a 1.910.821 doses. Até...

Artigos Relacionados

Fomento Paraná lança nova campanha de renegociação para os empreendedores

Preocupada com a retomada da atividade econômica no Estado, a Fomento Paraná está lançando uma campanha para sensibilizar e estimular os clientes a procurar...

Simepar instalará 50 estações automáticas inteligentes para monitorar a qualidade das águas

O Sistema de Tecnologia e Monitoramento Ambiental do Paraná (Simepar) começou a utilizar com mais regularidade a Internet das Coisas (IoT – Internet of...

Paraná soma 1,9 milhão de doses aplicadas e 1,43 milhão de pessoas vacinadas contra a Covid-19

O Paraná ultrapassou nesta segunda-feira (19) a marca de 1,9 milhão de doses de vacina contra a Covid-19 aplicadas, chegando a 1.910.821 doses. Até...