Desdenhada pelo governo, Pfizer negocia vacina com Espírito Santo e Paraná

PARANÁ: Ponta Grossa publica novo decreto contra a pandemia

A Prefeitura Municipal de Ponta Grossa (PMPG) anunciou, neste sábado (10), novas medidas de combate à covid-19. O Decreto Municipal nº 18.836 tem validade de...

Investimentos fortalecem pesquisa da Unioeste sobre cultivo da erva-mate

Uma pesquisa desenvolvida na Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste) sobre o cultivo da erva-mate recebeu recursos de emendas parlamentares para custeio de...

MORRE O DEPUTADO RECALCATTI

Faleceu nesta sexta-feira ((09) o deputado Delegado Rubens Recalcati, de infarto fulminante. Recalcatti, ou Delegado Recalcatti, de 70 anos, tomou O post MORRE O DEPUTADO...

NOTA DE FALECIMENTO LUIZ ANTONIO LEPREVOST

Com muita tristeza comunicamos que Luiz Antonio Leprevost, filho do Dr. Ney e dona Stella, marido da dona Jussara, pai O post NOTA DE FALECIMENTO...

Com 633 mil vacinas, Paraná vai intensificar aplicação da segunda dose

O Paraná vai iniciar neste fim de semana, como parte da campanha Vacina Paraná de Domingo a Domingo, um mutirão para aplicar a segunda...

A Pfizer anunciou nesta sexta-feira, 16, que poderá ser liberada para usar sua vacina contra a Covid-19 em caráter emergencial ao fim de novembro, nos Estados Unidos. Por lá, o laboratório possui um acordo para entregar de 100 milhões a 500 milhões de doses de seu imunizante entre o fim de 2020 e 2021. Por aqui, não há qualquer acordo com o governo brasileiro para entregar as primeiras doses da vacina. Contudo, estados negociam com a empresa para receber uma parte da produção. O que está mais avançado é o Espírito Santo, segundo uma fonte ligada às negociações contou ao Radar Econômico. Outro estado que negocia é o Paraná, mas o acordo é mais difícil porque o governo local quer que a tecnologia seja transferida para o Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar).

A transferência de tecnologia é justamente o que travou a negociação entre governo federal e Pfizer. A companhia americana não deseja fazer essa transferência, diferentemente do que acontecem com a vacina de Oxford, desenvolvida em parceria com a Fiocruz, e a chinesa Sinovac, que possui acordo com o Instituto Butantã, de São Paulo. Os acordos que foram fechados pela Pfizer com outros países latino-americanos, como Chile, México e Costa Rica compreendem importação direta dos imunizantes. Para o Brasil, a proposta é de que as doses sejam importadas diretamente dos Estados Unidos e há a promessa de que comecem a ser entregues este ano ainda.

Apesar de não haver acordo e sequer uma negociação em andamento com o governo federal, o ministro das Comunicações, Fabio Faria, comemorou o avanço do desenvolvimento da vacina da Pfizer. Após a empresa anunciar a possibilidade de liberação do uso em um mês, Faria publicou o fato em uma rede social. A vacina da Pfizer, que utiliza uma tecnologia complexa de modificação do RNA mensageiro, deve ser a primeira a ser produzida por uma empresa privada.

+ Siga o Radar Econômico no Twitter

Continua após a publicidade

PARANÁ: Ponta Grossa publica novo decreto contra a pandemia

A Prefeitura Municipal de Ponta Grossa (PMPG) anunciou, neste sábado (10), novas medidas de combate à covid-19. O Decreto Municipal nº 18.836 tem validade de...

Investimentos fortalecem pesquisa da Unioeste sobre cultivo da erva-mate

Uma pesquisa desenvolvida na Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste) sobre o cultivo da erva-mate recebeu recursos de emendas parlamentares para custeio de...

MORRE O DEPUTADO RECALCATTI

Faleceu nesta sexta-feira ((09) o deputado Delegado Rubens Recalcati, de infarto fulminante. Recalcatti, ou Delegado Recalcatti, de 70 anos, tomou O post MORRE O DEPUTADO...

Artigos Relacionados

PARANÁ: Ponta Grossa publica novo decreto contra a pandemia

A Prefeitura Municipal de Ponta Grossa (PMPG) anunciou, neste sábado (10), novas medidas de combate à covid-19. O Decreto Municipal nº 18.836 tem validade de...

Investimentos fortalecem pesquisa da Unioeste sobre cultivo da erva-mate

Uma pesquisa desenvolvida na Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste) sobre o cultivo da erva-mate recebeu recursos de emendas parlamentares para custeio de...

MORRE O DEPUTADO RECALCATTI

Faleceu nesta sexta-feira ((09) o deputado Delegado Rubens Recalcati, de infarto fulminante. Recalcatti, ou Delegado Recalcatti, de 70 anos, tomou O post MORRE O DEPUTADO...