Lewandowski tira sigilo de diálogos entre Moro e Deltan; veja mensagens

Morre o deputado Rubens Recalcati

Há pouco, faleceu o deputado Rubens Recalcati, de infarto fulminante. Rubens Recalcatti, ou Delegado Recalcatti, de 72 anos, tomou posse como deputado estadual do...

Março fecha com dois novos recordes nos portos do Paraná

Os portos do Paraná fecham o primeiro trimestre com dois novos recordes. No último mês, juntos, os terminais de Paranaguá O post Março fecha com...

Bolsonaro volta a destacar a importância da Itaipu em sua live semanal

Nessa quinta-feira (8), o presidente Jair Bolsonaro voltou a citar a Itaipu em sua tradicional live semanal, transmitida em seu O post Bolsonaro volta a...

Paraná: mais 374 mortes e 4.777 casos de Covid-19

A Secretaria de Estado da Saúde divulgou nesta quinta-feira (8) 4.777 casos confirmados e 374 mortes – referentes aos meses O post Paraná: mais 374...

Paraná receberá mais 242.050 doses de vacinas contra a Covid-19

O Paraná receberá nos próximos dias mais 242.050 doses de vacinas contra a Covid-19, segundo o Departamento de Logística do O post Paraná receberá mais...

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Ricardo Lewandowski retirou nesta segunda-feira, 1º, o sigilo da ação em que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva obteve direito a acessar mensagens apreendidas na Operação Spoofing, que mirou os hackers responsáveis pela invasão de celulares de membros da força-tarefa da Operação Lava Jato no Paraná. Com a decisão de Lewandowski, foram divulgadas cinquenta páginas de diálogos entre o ex-juiz federal Sergio Moro, o ex-coordenador da força-tarefa, Deltan Dallagnol, e grupos de mensagens dos procuradores.

Parte das mensagens tornadas públicas hoje, 34 gigabytes dos 740 gigabytes a que a defesa teve acesso, já havia sido publicada pelo site The Intercept Brasil e veículos de imprensa que também analisaram o material, incluindo VEJA. Lewandowski determinou no último dia 22 que os advogados de Lula acessem os 7 terabytes de dados apreendidos, procedimento que começará hoje. Leia aqui as cinquenta páginas divulgadas nesta segunda-feira.

“A análise preliminar realizada mais uma vez mostra que o então juiz SERGIO MORO liderou uma verdadeira cruzada contra o RECLAMANTE, com a participação dos procuradores da República da “Lava Jato” e também de órgãos estrangeiros — inclusive norte-americanos e suíços. Tal circunstância revela, ainda, no ponto desta Reclamação, o caráter mendaz das afirmações lançadas nestes autos pelos citados procuradores da República a “Lava Jato” — bem como o caráter incensurável das rr. decisões que determinaram o compartilhamento dos arquivos da “Operação Spoofing”, diz a defesa do petista em petição ao ministro nesta segunda.

Na quinta-feira, 28, depois de Lewandowski impor sigilo sobre o processo, VEJA revelou com exclusividade parte do conteúdo apresentado ao STF pela defesa como sua “análise preliminar”, encaminhado aos advogados na quarta-feira, 27, pelo perito Cláudio Wagner, que mostra sete diálogos curtos entre o ex-juiz federal Sergio Moro e o ex-coordenador da força-tarefa da Lava Jato no Paraná, Deltan Dellagnol.

O conteúdo publicado por VEJA mostra Moro questionando o procurador da Lava Jato sobre uma denúncia contra Lula, orientando-o sobre o aproveitamento de provas e pedindo para ser “informado” sobre os desdobramentos de apurações. Deltan chega a sugerir ao então magistrado como conduzir a oitiva de um investigado e atende com rapidez um pedido de Moro para protocolar uma manifestação em uma ação, além de citar a ele reuniões com “suíços” e “americanos”.

Continua após a publicidade

Morre o deputado Rubens Recalcati

Há pouco, faleceu o deputado Rubens Recalcati, de infarto fulminante. Rubens Recalcatti, ou Delegado Recalcatti, de 72 anos, tomou posse como deputado estadual do...

Março fecha com dois novos recordes nos portos do Paraná

Os portos do Paraná fecham o primeiro trimestre com dois novos recordes. No último mês, juntos, os terminais de Paranaguá O post Março fecha com...

Bolsonaro volta a destacar a importância da Itaipu em sua live semanal

Nessa quinta-feira (8), o presidente Jair Bolsonaro voltou a citar a Itaipu em sua tradicional live semanal, transmitida em seu O post Bolsonaro volta a...

Artigos Relacionados

Morre o deputado Rubens Recalcati

Há pouco, faleceu o deputado Rubens Recalcati, de infarto fulminante. Rubens Recalcatti, ou Delegado Recalcatti, de 72 anos, tomou posse como deputado estadual do...

Março fecha com dois novos recordes nos portos do Paraná

Os portos do Paraná fecham o primeiro trimestre com dois novos recordes. No último mês, juntos, os terminais de Paranaguá O post Março fecha com...

Bolsonaro volta a destacar a importância da Itaipu em sua live semanal

Nessa quinta-feira (8), o presidente Jair Bolsonaro voltou a citar a Itaipu em sua tradicional live semanal, transmitida em seu O post Bolsonaro volta a...