Nascimento de bebês tem queda recorde na pandemia, mostram cartórios

PARANÁ: Ponta Grossa publica novo decreto contra a pandemia

A Prefeitura Municipal de Ponta Grossa (PMPG) anunciou, neste sábado (10), novas medidas de combate à covid-19. O Decreto Municipal nº 18.836 tem validade de...

Investimentos fortalecem pesquisa da Unioeste sobre cultivo da erva-mate

Uma pesquisa desenvolvida na Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste) sobre o cultivo da erva-mate recebeu recursos de emendas parlamentares para custeio de...

MORRE O DEPUTADO RECALCATTI

Faleceu nesta sexta-feira ((09) o deputado Delegado Rubens Recalcati, de infarto fulminante. Recalcatti, ou Delegado Recalcatti, de 70 anos, tomou O post MORRE O DEPUTADO...

NOTA DE FALECIMENTO LUIZ ANTONIO LEPREVOST

Com muita tristeza comunicamos que Luiz Antonio Leprevost, filho do Dr. Ney e dona Stella, marido da dona Jussara, pai O post NOTA DE FALECIMENTO...

Com 633 mil vacinas, Paraná vai intensificar aplicação da segunda dose

O Paraná vai iniciar neste fim de semana, como parte da campanha Vacina Paraná de Domingo a Domingo, um mutirão para aplicar a segunda...

A pandemia não só deixou um rastro de quase 300.000 mortos entre a população brasileira, como também começa a causar impactos futuros, atingindo as taxas de natalidade. Números do Portal da Transparência do Registro Civil revelam queda de 36,9% nos nascimentos em fevereiro deste ano na comparação com o mesmo mês do ano passado. Foram 125.355 nascimentos contra 198.736 em fevereiro de 2020. O número é 44,9 pontos percentuais menor que a média nacional para o mês, desde o início da série, em 2003.

“A Covid-19 afetou todos os aspectos vitais da população brasileira. No Registro Civil, já eram nítidos os impactos nos óbitos e nos casamentos, mas agora, passados nove meses desde o mês de abril, verificou-se o primeiro impacto na natalidade da população brasileira”, explica o presidente da Arpen-Brasil, Gustavo Renato Fiscarelli. “Na pandemia, os casais optaram por adiar o sonho de terem filhos, o que certamente impactará futuramente no desenvolvimento do país”, completa.

Todos os estados registraram redução no número de nascimentos no mês de fevereiro de 2021, em relação ao ano de 2020. No topo da lista com as maiores reduções estão Roraima (63,7%), Acre (55,4%), Minas Gerais (45,3%), e Pará (43,4%). O Rio de Janeiro registrou queda de 41%, São Paulo de 30,7%, Distrito Federal de 40,4%, Rio Grande do Sul de 33,2% e Paraná de 37,1%. O levantamento, realizado pela Associação Nacional dos Registradores de Pessoas Naturais (Arpen-Brasil), tem como base os registros de nascimento nos 7.651 cartórios do país.

PARANÁ: Ponta Grossa publica novo decreto contra a pandemia

A Prefeitura Municipal de Ponta Grossa (PMPG) anunciou, neste sábado (10), novas medidas de combate à covid-19. O Decreto Municipal nº 18.836 tem validade de...

Investimentos fortalecem pesquisa da Unioeste sobre cultivo da erva-mate

Uma pesquisa desenvolvida na Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste) sobre o cultivo da erva-mate recebeu recursos de emendas parlamentares para custeio de...

MORRE O DEPUTADO RECALCATTI

Faleceu nesta sexta-feira ((09) o deputado Delegado Rubens Recalcati, de infarto fulminante. Recalcatti, ou Delegado Recalcatti, de 70 anos, tomou O post MORRE O DEPUTADO...

Artigos Relacionados

PARANÁ: Ponta Grossa publica novo decreto contra a pandemia

A Prefeitura Municipal de Ponta Grossa (PMPG) anunciou, neste sábado (10), novas medidas de combate à covid-19. O Decreto Municipal nº 18.836 tem validade de...

Investimentos fortalecem pesquisa da Unioeste sobre cultivo da erva-mate

Uma pesquisa desenvolvida na Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste) sobre o cultivo da erva-mate recebeu recursos de emendas parlamentares para custeio de...

MORRE O DEPUTADO RECALCATTI

Faleceu nesta sexta-feira ((09) o deputado Delegado Rubens Recalcati, de infarto fulminante. Recalcatti, ou Delegado Recalcatti, de 70 anos, tomou O post MORRE O DEPUTADO...